#FRIDAYSFORFUTURE -MUDANDO JUNTOS POR UM FUTURO MELHOR!

Texto: Tabatha Frony Morgado

Amanhã, dia 15 de março, milhares de pessoas irão juntar seus corpos e vozes a Greta Thunberg. Juntas essas vozes e esses corpos vão formar um movimento global que já está atuando por um futuro para nossas crianças e gerações que correm o risco de não poder existir por conta do aquecimento global.

Na sexta feira, dezenas de milhares de alunos abandonarão as aulas e exigirão que políticos atuem com urgência sobre o assunto. O movimento é de vital importância para a continuidade da vida em nosso planeta. Lutar e demandar resposta política para lidar com as mudanças climáticas é assunto de extrema urgência. Se queremos um planeta para habitar não apenas hoje, mas amanhã e depois, precisamos fazer algo agora!

O movimento #FridaysForFuture (#SextasPeloFuturo) surgiu a partir da militância da jovem sueca Greta Thunberg, que com apenas 15 anos em 2017, deixou a escola e foi sentar-se diante do parlamento sueco com um banner feito em casa que dizia “skolstrejk för klimatet” (greve escolar pelo clima). Um ano depois, seu cartaz foi traduzido para dezenas de idiomas e seu protesto de greve na escola se espalhou para mais de 70 países.

Greta, apesar de ter apenas 16 anos, nos conscientiza da tarefa urgente que é combater as mudanças climáticas e direcionar nossas demandas para os representantes políticos. Ela também nos chama atenção para as ações que nós, individualmente, podemos tomar para diminuir nosso impacto no clima. Por exemplo, reduzir o uso de carro e optar pelo transporte público. Usar mais a bicicleta ou andar a pé nos trajetos mais próximos. Evitar voar de avião. Adotar dieta vegetariana, vegana, ou ao menos reduzir o consumo de carne (devido as grandes extensões de terra necessárias para criação de gado e pelo impacto que o desmatamento, cada vez maior, tem sobre as mudanças climáticas).

Assista o discurso sincero e emotivo de Greta Thunberg, na conferência UN COP24 sobre as alterações climáticas, e entenda porque esse ação global coordenada é tão importante para mostrar que a crise climática é uma crise! Junte-se a nós!

Blue Change participa de evento de engajamento socioambiental durante turnê de Jack Johnson em novembro no Rio

Por: Yasmin Restum e Gilda Esteves

A Blue Change fechou uma parceria inédita com a All at Once, rede de ações sociais do cantor, compositor e surfista americano Jack Johnson. A parceria sem fins lucrativos vai garantir um stand de exposição e interação da BlueChange com fans no espaço Village Green do show de Jack Johnson, dia 5 de novembro no Rio de Janeiro.

O Espaço Village foi idealizado pela rede de ação social All At Once e busca a troca de conhecimento e oportunidades para unir e engajar fans e projetos comunitários locais na causa da proteção do meio ambiente. Quem for visitar a Blue Change, terá a oportunidade de conhecer o nosso trabalho e como participar da rede de cidadãos e cientistas que estamos começando a construir no Brasil. Assim como a ação social All  at Once, a Blue Change acredita que as pessoas são o principal motor multiplicador do conhecimento e da necessidade de mudanças globais. “Entendemos que as pessoas tornam-se mais propensas a preservar ou cuidar daquilo que elas conhecem e, por isso, acreditamos que ao aproximar o cidadão do ciência é possível a construção de um conhecimento científico comum sobre o meio ambiente onde vivemos e estabelecer, neste cenário, uma maior percepção sobre a importância de nossas atividades individuais que se multiplicarão para criar mudanças globais”.

 

All at Once

Este ano, a campanha All at Once completa 11 anos desde que foi lançada na turnê de 2008 do cantor e propõe ações sustentáveis e o engajamento de comunidades locais. Em cada concerto, os fãs vão poder conhecer iniciativas locais sem fins lucrativos e saberem como podem ser atuantes dentro das esferas de influência: da ação, da voz e da escolha.

Segundo a organização, o evento terá também ações de incentivo de ação em diferentes projetos para além do show, incluindo iniciativas de carona solidária, de compensação pessoais de carbono e a chance de conhecer melhor, entrar em contato e saber como participar de projetos locais de sustentabilidade. Assim como nas demais turnês do cantor, vai haver pavimentação verde por toda a área de turismo ecológico, batizada de Green Village. A produção do evento também vai contar com veículos abastecidos por biodiesel e quem vai assistir ao show vai poder se locomover com transportes individuais de massa e valets de bicicletas.

O espaço vai ser abastecido com alimentos de produtores locais com propagandas ecologicamente corretas, oferecendo água gratuitamente em estações de refil e investindo em projetos locais de compensação de carbono. Inspirada na produção cinematográfica, a organização do evento se comprometeu em fornecer locais para recolhimento de copos plásticos pra que possam ser reutilizados ao longo do evento.

Mais informações no site e nas  redes sociais da campanha no twitter, instagram e facebook.

Assista também ao vídeo sobre a All at Once, rede de ações sociais do Jack Johnson

 

 

 

Alunos trazem diferentes perspectivas sobre o tema “Água”

A “Água” foi tema de pesquisa dos alunos de Biologia do primeiro ano do ensino médio da Escola Estadual Santa Rita (Pelotas/RS). Os alunos, que também participam do projeto de Ciência Cidadã “Bebeu Água”, apresentaram para as turmas diferentes perspectivas em torno da questão da água.

Alguns dos tópicos levantados pelos alunos foram: Alimentos que gastam água; Consumo da água na agricultura; Poluição da água; e Os benefícios da água para as plantas.  No projeto Bebeu Água, a temática investigada pelos alunos é a geração de lixo plástico associado ao consumo de água mineral.

Trazer para a sala de aula o debate de temas que são vistos como desafios globais dessa geração é essencial para a formação de cidadãos comprometidos com a sustentabilidade do planeta.

 

 

 

Campanha: A Ciência Cidadã é para quem?

Nesta semana (24/07) a Blue Change começou a Campanha de comunicação “A Ciência Cidadã é para quem?”. A campanha tem o objetivo de mostrar exemplos de grupos de pessoas que podem participar de projetos de Ciência Cidadã em ambientes marinhos e costeiros. A ideia é surpreender as pessoas que nunca imaginaram que poderiam contribuir com a ciência nesses ambientes e ainda mais, fazendo o que amam.

Confira a campanha no facebook e instagram da iniciativa @bluechangeinitiative com a tag #seulegadonaciencia

Confira abaixo alguns exemplos da campanha que já foram lançados:

Resumo de Conferência: CIÊNCIA CIDADÃ COMO INSTRUMENTO DE SUPORTE À GESTÃO DE AMBIENTES MARINHOS E COSTEIROS

No dia 23 de junho, as idealizadoras da iniciativa Blue Change, Simone Milach e Gilda Esteves, estiveram em Rio Grande/ RS, para apresentar o trabalho “CIÊNCIA CIDADÃ COMO INSTRUMENTO DE SUPORTE À GESTÃO DE AMBIENTES MARINHOS E COSTEIROS” no X Encontro Nacional de Gerenciamento Costeiro – X ENCOGERCO.

Leia o Resumo aqui: Ciência Cidadã em ambientes marinhos e costeiros.

Evento: World Wide Views on Oceans & Seas. Citizen Participation and SDG14

Dia 9 de junho, durante a Conferência dos oceanos das Nações Unidas, acontecerá o evento da World Wide Views on Oceans and Seas que irá debater o papel do engajamento do cidadão na implementação do objetivo 14 do desenvolvimento sustentável (ODS14: Conservação e uso sustentável dos oceanos, dos mares e dos recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável).

wwv

Inicia o Projeto “Bebeu Água?”

O Projeto “Bebeu Água” é o primeiro projeto dentro da iniciativa Blue Change. Trata-se de um projeto de Ciência Cidadã no qual estudantes do ensino médio da Escola Estadual Santa Rita (Pelotas/RS) irão desempenhar o papel de pesquisadores sociais para investigar como as pessoas estão consumindo água. O projeto é uma iniciativa Blue Change desenvolvida dentro do programa de mestrado do Laboratório de Tecnologia, Gestão de Negócios e Meio Ambiente da Universidade Federal Fluminense (UFF) em parceria com o Laboratório do Futuro da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

BebeuAgua